Nossos olhares se cruzaram, e lá encontraram um caminho único que os olhos não enxergam devidos ás vendas de uma vida amargurada de histórias passadas.
E a sintonia de nossas vozes pareciam uma bela melodia, que ecoaram e depois sumiram junto ao pôr-do-sol, mas não trouxeram estrelas para iluminar minha vida.
Temos os mesmos sonhos, as mesmos ideias.
O mesmo querer, o mesmo sorriso
E caminhando separados em uma única direção.
Quem sabe eu possa  te encontrar na estrada da felicidade, em um futuro distante, onde só exista eu e você.
Quem sabe, eu possa encontrar o nossos lugar ao sol.
Quem sabe? Ninguém.
Quem espera? Um lugar vazio.
Um lugar á tua espera.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog